Jogos de Negócios na prática: como adaptar os jogos às aulas da Pós-Graduação

  • Posted by Felipe Nascimento
  • On abril 24, 2018
  • 0 Comments

Jogos de Negócios podem ser aplicados como uma linha mestra de uma disciplina de pós-graduação. Isso significa que o jogo pode ser a direção que norteia e sustenta uma forma de pensar/agir, o ponto central de onde surgem outras linhas de raciocínio direcionadas para a aplicabilidade que o professor desejar.

Como exemplo, podemos citar um curso mais voltado para a área de estratégia, como gestão estratégica de negócios. O professor que é mais focado nessa área, pode aplicar os Jogos de Negócios realçando e investindo mais tempo e energia nos pontos estratégicos do jogo. Em uma aula voltada para marketing, o professor pode dar mais ênfase ao conteúdo relacionado ao marketing, como atratividade, precificação, análise do mercado, etc.

O professor da disciplina pode ensinar, através da ferramenta de simulação e em um ambiente sem risco, como esses conceitos são aplicados na prática do dia a dia, dando mais ênfase a eles através da exploração de trabalhos extras e exercícios.

Já em um curso generalista de gestão empresarial, o Jogo de Negócios pode ser aplicado também de forma generalista. Assim, engloba conceitos de marketing, finanças, estratégia, operações, tomada de decisão, entre outras áreas. Dessa forma, o aluno é colocado em um ambiente multidisciplinar e aprende bastante sobre a relação das áreas entre si e a importância de cada uma delas.

Uma analogia que pode ser feita é com uma árvore. O tronco é representado pelos Jogos de negócios e os galhos são representados pelas áreas de atuação que o professor decidir. Independente da ênfase dada à disciplina de Jogos de Negócios, essa é uma boa ferramenta para praticar e absorver o conteúdo de gestão empresarial de forma lúdica, descontraída e agradável.

 3

0 Comments

Leave Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *